Skip to content

Coughlin anuncia saída do Giants após 12 anos

05/01/2016

Foto: Bobby Bank/WireImage

TomCoughlinGiants

Coughlin anuncia saída do Giants após 12 anos

O técnico Tom Coughlin anunciou sua saída do New York Giants após 12 anos no cargo e 2 vitórias no Super Bowl.

Coughlin de 69 anos era o técnico mais velho da NFL e disse que ainda não vai se aposentar do futebol americano.

Ele era treinador de wide receiver do Giants quando Bill Parcells era head coach do time quando ganhou sua primeira chance ao se tornar técnico principal do Jacksonville Jaguars.

Coughlin voltou para Nova York em 2003 e seu estilo durão, estilo Bear Bryant, lendário técnico universitário, durou até 2006 quando o dono do time Wellington Mara disse que ele precisava tratar melhor os jogadores e a imprensa, por pouco não perdeu o emprego após alguns anos de insucesso.

Em 2007, o Giants surpreendeu o mundo ao vir do wildcard e chegar ao Super Bowl e acabar com a invencibilidade do New England Patriots que venceu 18 jogos naquela temporada e perdeu a final.

Em 2011, repetiu o fato contra o mesmo New England.

Nos últimos anos tomou algumas decisões questionáveis, perdendo jogos que não deveriam perder e estava balançando no cargo.

Muitos acreditavam em sua aposentadoria após a temporada, mas Coughlin ainda quer trabalhar.

New England deve estar em festa.

Dança das Cadeiras dos Técnicos da NFL

Em Cleveland, o técnico Mike Pettine foi mandado embora após apenas 2 anos no cargo e duas péssimas temporadas do Browns. O General Manager Ray Farmer também perdeu o cargo.

O San Francisco 49ers despediu Tom Torsula após apenas um ano, mas ainda não mexeu nos demais cargos.

Na semana passada o Philadelphia Eagles tinha despedido Chip Kelly que já disse ter interesse na vaga em San Francisco.

Em Indianapolis, muitos esperavam que Chuck Pagano seria despedido, mas ganhou uma extensão de 4 anos com o Colts.

Em Miami, Joe Philbin perdeu o emprego no começo da temporada, o Dolphins ainda não definiu se o interino Dan Campbell continua.

Mesma coisa acontecendo em Tennessee, o time não deve manter o interino Mike Mularkey após o time despedir Ken Whisenhunt durante a temporada.

Em New Orleans uma situação bizarra, o time não pretende manter Sean Payton, mas por ele ainda estar sob contrato e por alguns times já mostrarem interesse no técnico, o Saints tenta receber uma escolha de segunda rodada pelo técnico.

 

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: